domingo, 19 de novembro de 2017

PALANQUE POLÍTICO-ELEITORAL NO 'CASAMENTO COLETIVO' EM MESSIAS TARGINO

O casamento oficial do presidente do PR do Rio Grande do Norte, ex-deputado João Maia, com a prefeita de Messias Targino e presidente do PR Mulher potiguar, Shyrley Targino, foi preparado para ser um grande evento político-eleitoral. E assim foi.

O pequeno município do Médio Oeste deixou de lado o cenário de seca e deu luz para uma grande festa, com a presença da elite da política potiguar. E pré-candidatos, aliados ou adversários, mas todos sem perder a oportunidade do flash.

Abraçaram os noivos e circularam na praça pública de Messias Targino o governador Robinson Faria (PSD), adversário político de Maia no momento, mas paquerando com os republicanos para uma possível aliança.

De olho, os senadores aliados Garibaldi Filho (PMDB) e José Agripino (DEM), que estarão no palanque adversário de Robinson e querem João Maia em aliança ampla.

Gari e Jajá foram vigiados de perto pela deputada federal Zenaide Maia (PR), irmã do noivo, que sonha ser senadora. O apoio do irmão, que tentará voltar à Câmara, é fundamental para o seu projeto senatorial.

A prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini (PP), também compôs a linha de frente. Não será candidata em 2018, diz, mas seu apoio é um sonho de todos os candidatos.

Também assistiu o “sim” de João Maia e Shyrley o desembargador Cláudio Santos, que deseja ser governador do RN. Embora desconhecido do grande público, o magistrado não tem economizado esforços para prestigiar festas de batizado, casamento, aniversário, velório, etc etc etc.

Sim, para não esquecer, o casamento foi coletivo. Outros 100 casais juraram amor para sempre, com assinatura oficial diante do Tribunal de Justiça do Estado, organizador do casamento coletivo. O presidente Expedito Ferreira, que é casado com a prefeita de Alexandria, Jeane Ferreira (PSD), não perdeu a cena.

O amor é lindo. É ou não é?

*Esse conteúdo foi publicado originalmente em De Fato.com

sábado, 18 de novembro de 2017

VISITA DA IMAGEM PEREGRINA DE NOSSA SENHORA DA IMACULADA CONCEIÇÃO AOS FILHOS DE ALEXANDRIA QUE RESIDEM EM NATAL

 NATAL/RN - Alexandrienses que residem em Natal recebem a visita da Imagem Peregrina de Nossa Senhora da Imaculada Conceição, Padroeira de Alexandria. AMANHÃ HAVERÁ MISSA NA IGREJA DE SANTO ANTONIO (próximo ao Portugal Center) às 10:00h com todos os conterrâneos.






Fotos: Lombardi Mendes

SE LIGA AÍ: COMER MUITO RÁPIDO ENGORDA E FAZ MAL PARA O CORAÇÃO

Você é daqueles que come tão rápido que precisa esperar – com certa dose de paciência – os colegas a sua volta terminarem o prato?

Pois saiba que, perto deles, você tem maior probabilidade de ver a cintura inflar e o coração sofrer. Pelo menos é o que indica um estudo recém-apresentado em evento da prestigiada Associação Americana do Coração (AHA, na sigla em inglês).

Para o trabalho, cientistas da Universidade Hiroshima, no Japão, recrutaram 642 homens e 441 mulheres de mais ou menos 51 anos. Em 2008, nenhum deles apresentava síndrome metabólica – conjunto de fatores que eleva o risco de doenças cardiovasculares, como hipertensão, diabetes e excesso de gordura ao redor do abdômen. Eles dividiram esse pessoal todo em três turmas, de acordo com a velocidade que cada um julgava comer: devagar, normal ou rápido.

Em cinco anos, os estudiosos perceberam que os apressados à mesa tinham um risco maior de desenvolver a tal síndrome metabólica do que quem comia num tempo normal: 11,6% contra 6,5%, respectivamente. Engolir a comida como se o mundo fosse acabar ainda foi associado a ganho de peso, cintura mais larga e altas taxas de glicose no sangue.


Em comunicado divulgado pela AHA, Takayuki Yamaji, principal autor do trabalho comentou o seguinte: “Ao comer rapidamente, as pessoas tendem a não sentir saciedade. Assim, ficam mais propensas a exagerar. Esse comportamento leva a uma maior flutuação de glicose, o que pode resultar em resistência insulínica”. Quando esse hormônio não funciona direito, o açúcar sobra na circulação – situação que abre brecha para o diabetes e os estragos associados ao quadro.

Dicas para refeições menos aceleradas

 

Prepare a mesa e evite distrações
Não precisa de requinte. Usar um jogo americano já dá vontade de passar mais tempo sentado. Só não vale ligar a tevê ou ficar mexendo no celular.


Envolva a família toda
Quem não mora sozinho deve buscar companhia para ficar em volta da mesa. Um bom papo tende a estender o tempo das garfadas – só não vale abusar delas.


Comece pela salada
E monte-a com itens mais duros (como a cenoura), que exigem mastigação. Ao chegar ao prato principal, o cérebro logo receberá o sinal de saciedade.


Descanse os talheres
Após cada garfada, repouse a faca e o garfo ao lado do prato. Ao segurá-los o tempo todo, a tendência é emendar uma abocanhada na outra, sem descanso.


Vá de alimentos sólidos
No início do treino para desacelerar a refeição, prefira ingredientes mais resistentes. Por exemplo: troque o purê pela batata.


Planeje suas refeições
Não é necessário ter horário fixo. Mas, se você já sabe como será seu dia, não custa reservar 20 minutos para se alimentar.


Este conteúdo foi publicado originalmente em Saúde.

SERVIDORES DO DETRAN-RN APROVAM GREVE A PARTIR DESTA SEGUNDA

Os trabalhadores do DETRAN RN, deliberaram em assembleia na manhã de sexta-feira (17), pela continuidade da greve estabelecida já no dia 7 de novembro.

A deflagração da greve deu-se pelo não cumprimento dos compromissos assumidos pelo governo, através de seu diretor, Júlio César Soares, que seria a questão do envio dos projetos de auxílio alimentação e reposição de perdas salariais da categoria à Assembleia Legislativa.

Os servidores haviam decidido pela suspensão do movimento grevista por uma semana, acatando a proposta do Governo que se comprometeu em encaminhar à Assembleia Legislativa, os projetos do auxílio alimentação e o da reposição de perdas salariais da categoria. A previsão era que isso acontecesse até hoje (17/11), data que a categoria seria posta a par das decisões do Governo pelo sindicato que os representa, SINAI-RN (Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta do RN).

Sem nada encaminhado à AL, e no processo da reposição das perdas, a informação que o Sindicato teve é de que intervenção sugerida pelo Conselho de Política de Administração e Remuneração de Pessoal (COARP), é no sentido de causar ainda mais prejuízos aos trabalhadores, achatando ainda mais os salários da categoria na carreira.

Por todo o descumprimento, não restou outra alternativa, senão a greve.

*Portal No Ar

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA DESAPARECIDO É ENCONTRADO MORTO NA REDINHA

O professor de corrida Marcelo Diego Nascimento, que atuava em grupos de atletismo de Natal, foi encontrado morto na manhã desta sexta-feira (17), na orla da praia da Redinha, na zona Norte da capital.

O educador físico estava desaparecido desde a tarde da quinta-feira (16), quando havia saído de casa para trabalhar. Ele residia no bairro Potengi, também na zona Norte e trabalhava como professor de educação física e assessor de corrida de rua em um dos grupos mais conhecidos da cidade, o STI Runner.

Ele também era árbitro de atletismo e atuou como voluntário nas Olimpíadas do Rio, em 2016. De acordo com informações da Polícia Militar, Marcelo Diego foi encontrado sem vida na areia da praia da Redinha logo nas primeiras horas da manhã, próximo à ponte Newton Navarro e sem marcas de violência.

Ele estava com o uniforme da equipe de corrida e somente com um ferimento no olho. O Itep já recolheu o corpo e deverá fazer a liberação até o início da tarde desta sexta-feira. No momento, a Polícia não trabalha com a hipótese de homicídio.

*Portal No Ar

DESAPARECIDO

*Instagran

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

REAL SUPERMERCADO - E TOME OFERTA E TOME ECONOMIA

DIAS 17 E 18 - OFERTAS IMBATÍVEIS

SOBRE A MERENDA ESCOLAR

ALEXANDRIA/RN - Em cumprimento a Lei nº 11.947 de junho 2009, e atendendo demanda da prefeitura municipal, a Secretaria de Educação do Município proibiu os professores do município de também comerem da merenda escolar destinada aos alunos. Mesmo diante da Lei, essa proibição nunca tinha sido colocada em prática; sempre alunos e professores foram servidos da mesma merenda. O caso se comenta pela cidade.

Recebemos uma carta do Ex-Vereador Junior Abrantes se posicionando sobre a decisão e estamos publicando "ipsis litteris"



NOTA DIRIGIDA À POPULAÇÃO DE ALEXANDRIA

Um dos princípios mais importantes da administração pública é o bom senso, aquilo que mesmo não estando escrito, não fazendo parte da lei, é aceito pela população dentro da sua razão, da lógica e da sabedoria.

Um administrador quando se guia pelo bom senso tem grande chance de acertar e receber os aplausos dos seus concidadãos.

A ordem da Prefeitura Municipal de Alexandria, através da Secretaria de Educação, por exemplo, proibindo os professores da rede municipal de se alimentarem, quando no trabalho, da merenda escolar servida aos alunos, fere frontalmente o bom senso!

Primeiro, porque essa é uma prática de anos e anos, que nunca deu prejuízo às partes interessadas;

Segundo, que a quantidade de professores em relação ao número de alunos matriculados é muito pequena, o que certamente não prejudica a merenda dos estudantes;

Terceiro, que muitos professores trabalham em horário integral, e que não é justo que fiquem sem acesso à alimentação;

Quarto, que a Lei 11.947, de 2009, é daquelas leis que o Brasil nunca cumpriu, por ser injusta, mesquinha, e desprovida de bom senso;

Quinto, que existem tantos assuntos importantes a serem discutidos na área de educação do município que, proibir a alimentação dos professores é uma desconsideração à categoria, além de uma medida pequena que não leva a nada, nem sequer à uma economia financeira de verdade;

Sexto, que essa medida absurda parece muito com aquela outra proibição de uma ou outra pessoa poder andar no transporte escolar, mesmo que naquele trajeto não tenha, no horário, nenhum estudante ocupando o referido transporte;

Sétimo, que conforme sondagem feito junto aos professores do município há uma insatisfação generalizada da categoria, que só não se expressa publicamente por medo de punição ou retaliação por parte da Prefeitura;

Oitavo, que essa insegurança e temor da categoria de professores é de se lamentar, pois configuram um estado de autoritarismo descabido, próprio de situações antidemocráticos, ultrapassadas, inaceitáveis nos tempos transparentes de hoje, onde os homens e mulheres livre do Brasil caminham para refundar o nosso País, Estados e Municípios.

Não por coincidência, aproveitando o dia de hoje, 15 de novembro, dia da Proclamação da República: Viva a República, Viva a Democracia, Viva a Liberdade!

                          Alexandria, 15 de novembro de 2017

            Assina: Manoel Abrantes Nobre Júnior    Ex-Vereador


DO BLOG: O espaço está aberto para a Prefeitura e/ou Secretaria de Educação, caso queiram, possam se posicionarem sobre o assunto.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...