quarta-feira, 1 de dezembro de 2021

LUTA CONTRA A AIDS: 5 PERSONAGENS BRASILEIROS HISTÓRICOS QUE NÃO RESISTIRAM À DOENÇA


No início dos anos 1980, a imprensa brasileira começou a publicar uma série de reportagens sobre uma nova e desconhecida síndrome que, na época, era mortal: a Aids. Com abordagens marcadas por ignorância e preconceito, a doença a princípio era chamada de “câncer gay”. O vírus só foi descoberto oficialmente em 1983 pelo médico imunologista francês Luc Montagnier e se tornou uma das mais graves epidemias da história.

Hoje, dia 1º de dezembro, é celebrado o Dia Mundial de Combate à Aids e, de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), a doença pode estar próxima de ser controlada, embora haja 37,6 milhões pessoas vivendo com ela no mundo, segundo os dados mais recentes da UNIAIDS. Para que esse objetivo seja alcançado, é preciso que o mundo continue investindo em prevenção, diagnóstico e tratamento.

5 brasileiros que marcaram a história e foram vítimas da Aids

Infelizmente, nem sempre o mundo contou com uma estrutura de tratamento como há hoje. Muitas pessoas morreram ao longo da história em decorrência da Aids, inclusive personalidades incríveis e históricas. Relembramos cinco delas, nascidas no Brasil, que lutaram contra a doença, mas não resistiram.

Henrique de Souza Filho (Henfil)
Mais conhecido como Henfil, o cartunista Henrique de Souza Filho faleceu no dia 4 de janeiro de 1988. Ele herdou da mãe um distúrbio chamado hemofilia, que impede a coagulação do sangue e faz com que a pessoa fique mais suscetível a hemorragias.

Henfil contraiu a Aids durante uma das transfusões de sangue que precisava fazer com frequência e faleceu aos 43 anos de idade.

Cazuza
No dia 7 de julho de 1990, morria, aos 32 anos de idade, um dos maiores ícones da Música Popular Brasileira (MPB) em decorrência das complicações causadas pela Aids. Agenor de Miranda Araújo Neto, conhecido como Cazuza, conquistou o Brasil com seu talento, compondo e interpretando canções marcantes.

Claudia Magno
Ela atuou em diversas novelas da TV Globo, como "Meu Bem Meu Mal", "Final Feliz" e “Felicidade”, encantando os brasileiros com suas personagens. A atriz Claudia Magno faleceu aos 35 anos de idade, no dia 6 de janeiro de 1994, por complicações do HIV.

Renato Russo
Um dos maiores nomes da música nacional, Renato Russo liderou com maestria a badalada banda Legião Urbana. Seu sucesso foi interrompido no dia 11 de outubro de 1996, também por consequência da doença. O artista tinha 36 anos de idade.

Wagner Bello (Etevaldo do Castelo Rá-tim-bum)
Quem não se lembra do lendário personagem Etevaldo, do "Castelo Rá-tim-bum", seriado da TV Cultura que fez sucesso nos anos 1990 e 2000? O responsável pelo consagrado papel era Wagner Bello, que morreu aos 34 anos de idade, também em virtude de complicações da Aids, no dia 12 de agosto de 1994, inclusive durante as gravações do programa.

Fonte: TN

TEM ATENDIMENTO COM O UROLOGISTA MÁRLON ARTHUR DIAS 03 E 17 NO CIED EM ALEXANDRIA


Dr. Marlon Arthur - Médico Urologista e cirurgião

Agenda de atendimentos aberta para dia 03/12 e 17/12 pelos telefones : (84) 99667 0006/ (84) 33812981.

Agende o seu atendimento!

SÃO PAULO REGISTRA TERCEIRO CASO DA VARIANTE ÔMICRON

Foi confirmado nesta quarta-feira (1) o terceiro caso de paciente com a variante Ômicron no Brasil. O homem de 29 anos vindo da Etiópia desembarcou em Guarulhos, sem sintomas, mas fez o teste que deu positivo para covid-19 no último sábado. O homem havia sido vacinado com as duas doses do imunizante da Pfizer.

A amostra deste terceiro caso foi sequenciada geneticamente pelo Instituto Adolfo Lutz.

Além dele, outros dois pacientes, um homem de 41 anos e uma mulher de 37, provenientes da África do Sul, tiveram a confirmação da presença da variante Ômicron. A verificação foi feita pelo Adolfo Lutz na tarde de ontem, após sequenciamento genético feito pelo laboratório do Hospital Israelita Albert Einstein.

O casal havia sido vacinado com o imunizante da Janssen na África do Sul, de acordo com informações atualizadas nesta quarta-feira (1º) pela vigilância municipal de São Paulo.

Fonte: Agência Brasil

MORRE EM MOSSORÓ, JOTA BELMONT, UM DOS ÍCONES DO RÁDIO POTIGUAR

Faleceu nesta quarta-feira (1), em Mossoró, o ex-deputado estadual Jota Belmont. Radialista e blogueiro, ele lutava conta um câncer e não resistiu.

Jota Belmont era natural de São José do Campestre. Começou sua vida no rádio no início dos anos 60, nas rádios Trairi e Cabugi.

MORRE NEY LOPES JÚNIOR, EX-VEREADOR DE NATAL, AOS 47 ANOS

Morreu nesta terça-feira (30), o ex-vereador de Natal Ney Lopes Júnior, aos 47 anos. A informação foi divulgada ao vivo em um ato solene transmitido pela TV Câmara Natal, da Câmara Municipal da capital potiguar. De acordo com informações teria sido encontrado morto em casa pela noiva.

A causa da morte teria sido um infarto fulminante.

Ney Lopes Junior foi prefeito de Natal durante um curto período, entre o final de 2012 e o início de 2013, após a renúncia de Paulinho Freire, que assumiria o lugar de Micarla de Sousa. Como era naquela ocasião o vice-presidente da Câmara, Ney Lopes Junior foi empossado.

Fonte: Daltro Emerenciano

terça-feira, 30 de novembro de 2021

ESCOLA DE 2º GRAU DE ALEXANDRIA ELEGE SEUS NOVOS GESTORES

 

ALEXANDRIA/RN - A Escola Estadual 7 de Novembro (2º Grau) escolheu hoje (30) seus novos gestores para o período de 31/12/2021 a 31/12/2022.

Aos Professores Florinda e Das Chagas (Gestora e Vice gestor, respectivamente, escolhidos pelo voto), cabe a missão de conduzir os destinos da tradicional Escola de Alexandria durante o próximo ano.

Desejo aos colegas muito sucesso nessa árdua e desafiadora missão.

JUIZ DETERMINA PRISÃO DO EX-MINISTRO HENRIQUE ALVES POR FALTA DE PAGAMENTO DE PENSÃO


O juiz Marco Aurélio Paioletti Martins Costa, da 2ª Vara de Família de Natal, expediu mandado de prisão contra o ex-ministro do Turismo, Henrique Alves, por falta de pagamento de pensão alimentícia. A pensão estaria em atraso desde de 2017 até 2021, dando o valor de quase R$ 1 milhão.

O ex-ministro se pronunciou sobre o ocorrido, através de nota, afirmando que nunca deixou de faltar nada ao seus filhos, e chamou de ‘despautério’ a ação.

O processo começou ainda em 2017, quando Priscila Gimenez, sua ex-mulher, ingressou na Justiça para receber a pensão, que estava atrasada havia três meses. De acordo com o mandado de prisão, Henrique Alves deverá fica em estabelecimento adequado, separado dos detentos criminais.

Confira na íntegra a nota do ex-ministro Henrique Alves:

NOTA DE UM PAI COM IMAGEM PÚBLICA

"Não foi hoje que recebi a informação de um mandado de prisão judicial proferido numa ação, por pretensa falta de pagamento de pensão alimentícia a Pedro Henrique Alves , de 20 anos.

Faz seis dias e até agora não recebi qualquer intimação.

Estou tranquilo e com a consciência em paz que a Justiça de Deus e dos homens será feita.

Esse despautério promovido por Pedro Henrique e sua mãe de quem me divorciei – de forma consensual – há mais de 11 anos, deixando mais de 50% de meu patrimônio na época, não pode prosperar.

Pelo simples fato de que não tenho como pagar uma pensão de quase R$ 50 mil reais por mês.

É totalmente fora da minha realidade e da necessidade de um adulto que estuda com bolsa da Universidade nos Estados Unidos da América.

Quem conhece minha vida privada, que também sempre foi pública, sabe que nunca deixei faltar NADA a meus filhos. Afeto, atenção e amor principalmente.

Dos mais velhos sempre tive a solidariedade e compreensão. Hoje, lamento a postura de Pedro Henrique. Mas a seu desatino entrego também, à Justiça Divina.

A dos Homens, aguardo, o julgamento do recurso que já encaminhei através de meu advogado e, certamente, a justiça será feita.

Ao povo do Rio Grande do Norte – que me conhece como político e pai – meu agradecimento por tantas mensagens que já recebi com palavras carinhosas de poio e conforto nesta hora de dor.

Muito Obrigado!

A luta continua sempre! "

Henrique Eduardo Alves


Fonte: O Antagonista/Daltro Emerenciano

segunda-feira, 29 de novembro de 2021

RENATO GAÚCHO NÃO É MAIS O TÉCNICO DO FLAMENGO, INFORMA O CLUBE


O Flamengo informou, por meio de uma publicação nas redes sociais nesta segunda-feira (29), que Renato Gaúcho não é mais o técnico do time.

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que, após conversa entre as partes, o técnico Renato Gaúcho não comanda mais o time principal”, diz a postagem.

O técnico comandava o Flamengo desde julho de 2021, com um contrato que durava até o fim deste ano.

Como jogador, Renato Gaúcho passou pelo Flamengo em 1987 e, depois, em 1990. Antes de voltar ao clube como técnico, comandou o Grêmio, de onde saiu em abril de 2021.

Na publicação, não ficou claro se Renato Gaúcho foi demitido ou se pediu para sair.

No último sábado, o time sofreu uma derrota por 2 a 1 para o Palmeiras na final da Copa Libertadores da América. A permanência de Gaúcho no comando do time carioca estava posta em questão desde então.

Fonte: CNN Esportes

PREFEITO DE SALVADOR ANUNCIA CANCELAMENTO DO "FESTIVAL VIRADA"


O prefeito de Salvador, Bruno Reis, anunciou o cancelamento do Festival Virada, para celebrar o réveillon de 2022, nesta segunda-feira (29). O gestor aproveitou para destacar que a decisão sobre a realização do carnaval ainda não foi tomada, e será divulgada junto com o governo do estado.

Fonte: G1/Bahia

MÉDICA QUE IDENTIFICOU A ÔMICRON, NA ÁFRICA DO SUL, DESCREVE OS SINTOMAS DA CEPA

Sintomas “incomuns, mas leves”, foi o que relatou a médica sul-africana que primeiro alertou as autoridades para a presença da variante ômicron do COVID-19. A Dra. Angelique Coetzee, membro do conselho da Associação Médica da África do Sul, notou pela primeira vez pacientes saudáveis ​​que demonstravam sintomas incomuns em 18 de novembro.

“Os sintomas deles eram tão diferentes e leves daqueles que eu havia tratado antes”, disse Coetzee ao jornal britânicoThe Telegraph .

“Apresenta uma doença leve com sintomas como dores nos músculos e cansaço por um ou dois dias sem se sentir bem”, explicou Coetzee. “Até agora, detectamos que os infectados não sofrem perda de paladar ou cheiro. Eles podem ter uma leve tosse. Não há sintomas proeminentes. Dos infectados, alguns estão sendo tratados em casa”, disse a médica.

Coetzee informou que cerca de duas dúzias de seus pacientes tiveram testes positivo para o coronavírus e exibiram esses novos sintomas. Ela alertou as autoridades para a possibilidade de uma nova variante, que a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou na sexta-feira como variante ômicron.

Fonte: Blog do Xerife
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...